26.3.11

Pensamento de fim de noite de sábado (26/03)

Então deixa como está,
enquanto você dorme eu arrumo um novo jeito de me sabotar.
Zombo de ti pelas costas,
eu esperneio e grito pra você me enxergar...
Mascaro o que sinto,
ignoro o que é dito,
me esqueço do que faço,
Me faço de palhaço apenas para te agradar.

Nenhum comentário: