29.10.08

devaneios de um ônibus

Olhares cruzando-se dão o tom daquela velha sensação que há muito não acontecia.
Uma conversa puxada como quem não quer nada, que na verdade diz muito mais sobre ambos do que a cena aparenta.
Risos sinceros me interessam muito mais do que mentiras sinceras,
uma certa espontaneidade faz com que o mínimo de tudo pareça perfeito.
E uma despedida com gosto de 'quero mais' só anima a repetir ainda mais momentos como esse,
mas no fundo no fundo uma vozinha faz questão de repetir... " não se apaixone".

Um comentário:

superior disse...

Although from different places, but this perception is consistent, which is relatively rare point!
nike dunk