28.9.08

Por bem ou por mal

Minha paixão por ela teve início assim que ela me deu um presente de aniversário,
" Alguém realmente se lembrou de mim?" - foi o pensamento que bateu na hora...
O presente foi uma daquelas singelas árvores de pedra,
tida como mística e ligada ao zodíaco por alguns..
E o que se seguiu foi uma devoção de cinco anos,
permeada pelo fracasso em alguns momentos,
por conquistas sutis em muitos outros,
e por situações que ainda busco entender até agora...
Por bem ou por mal, a árvore ainda existe...
É ela que aponta para mim diariamente,
e é nela que eu olho e busco forças para continuar,
dou um sorriso ao ve-la e continuo minha vida.
Por bem ou por mal, ela me lembra que há coisas boas a serem ressaltadas até no pior dos momentos da tua vida.

Um comentário:

aline disse...

ela não é uma boa menina! deixou pra mim, algo que sempre me faria lembrar seus olhos de pomba! e não me desfiz do seu mimo... ao contrário, plantei-o dentro de mim, pra que continue me machucando... gosto dessa dor que as raizes da menina me causam.