26.11.07

Há dias que eu me sinto esperançoso por demais,
vontade de honrar a cada pessoa que se esforça pra fazer minha vida melhor,
e muitas vezes não recebe nada da minha parte, pois,
ou estou ocupado demais
ou estou preocupado com pessoas que não ligam
ou eu resolvo olhar para meu próprio umbigo.

Nem sei porque insisto em fazer essas supostas "declarações" aqui,
porque não consigo abandonar esse caráter confessional (perdoe-me Carla),
e por achar que o melodrama nem está combinando comigo no momento,
eu me vou...

Boa noite, aonde quer que cada um de vocês estejam

Um comentário:

Carla Arend disse...

eu perdôo, sem saber exatamente o quê estou perdoando. hehehe


bonito.